Economia

Balneário Camboriú capta dois grandes eventos da área da saúde

Posted by | Economia, Turismo | No Comments

Balneário Camboriú acaba de captar dois importantes congressos da área médica. Marcados para acontecer em 2021 e 2023, os eventos têm um impacto estimado de aproximadamente R$2 milhões na economia da cidade. Com um público de 1.450 pessoas, devem gerar até sete mil Room Nights nos meios de hospedagem. Ambos os eventos foram prospectados e captados com apoio do Balneário Camboriú Convention & Visitors Bureau.

O primeiro evento confirmado foi o Congresso Catarinense de Cardiologia, que trará técnicas de aprimoramento da especialidade para 450 médicos em 2021. Já o outro evento captado acontecerá em 2023 e tem a expectativa de reunir 1000 participantes de todo o país no Congresso Brasileiro de Cirurgia de Cabeça e Pescoço. Somente nos últimos 30 dias, o BC Convention formalizou quatro candidaturas de eventos, sendo três da área médica e um do setor de agronegócio. Dois ainda não definiram a cidade sede.

A Coordenadora de Captação de Eventos do BC Convention, Bruna Pieta, destaca que o processo contemplou desde a  sensibilização dos embaixadores, montagem de dossiês de candidatura e apresentações do destino. O apoio dos associados da entidade também é de extrema importância neste momento, pois precisamos apresentar uma proposta competitiva. “Somos responsáveis por dar todo o suporte para nosso embaixador fazer a defesa da candidatura, fornecendo todas as informações sobre o destino, desde acesso à cidade até a alimentação, logística, atrativos turísticos e estrutura para receber o evento. No último evento captado, por exemplo, Balneário Camboriú concorreu com São Paulo e Manaus, e ganhou pela maioria dos votos”, explica.

Além destes dois eventos, Balneário teve a confirmação neste ano de outros seis eventos que vão acontecer na cidade e que juntos vão trazer mais de 12 mil pessoas. Todos estes eventos tiveram auxílio da entidade no processo de captação.

Texto: Bianca Pereira

Região da Foz do Itajaí concentra o maior crescimento populacional do estado e tem 99% das empresas classificadas como micro e pequenas

Posted by | Economia, Empresarial, Geral | No Comments

A região da Foz do Itajaí tem a maior taxa de crescimento populacional do estado. É o que aponta o Caderno de Desenvolvimento, que faz parte de mais de 300 documentos lançados pelo Sebrae/SC, que contam com estudos dos 295 municípios do estado, das regiões, além de uma análise geral de Santa Catarina. A pesquisa mostra que a região da Foz do Itajaí obteve um crescimento populacional de mais de 240% em 38 anos, passando de uma participação 12,3% para 13,6% no período de 2010 para 2018. O município de Itapema se encontra também na 1ª colocação, com a maior taxa de crescimento populacional do estado.

A Foz do Itajaí concentra 19 municípios, que compreendem desde a cidade de Tijucas até Brusque e uma estimativa populacional de quase 1 milhão de pessoas (IBGE, 2018), número que chega a dobrar com a chegada da temporada de verão, sendo o turismo uma das principais atividades econômicas. Neste contexto, a região tem forte impacto na área de comércio e serviços, setores que representam 77% das empresas, respondendo por pouco mais de 60% dos empregos. No setor industrial destacam-se os setores da construção e confecção gerando mais de 38.000 empregos com carteira assinada que contribuíram para um crescimento do PIB na ordem de 63,39% no período de 2011 a 2016, acima da média do estado (47,45%).

Os negócios de pequeno porte também são destaque na região da Foz do Itajaí. As micro e pequenas empresas são mais de 99% dos empreendimentos, respondendo por mais de 70% da taxa de empregabilidade, de acordo com levantamento oficial de 2016. A cidade de Itajaí, por exemplo, concentra um dos complexos portuários ranqueado como o segundo maior do país em movimentação de contêineres. O município também se destaca como a cidade com o 2° maior PIB do estado.

A região mostra bons índices de desenvolvimento humano, tendo diminuído os índices de incidência de pobreza e aumentado em 50% o número de profissionais disponíveis na área da saúde em 6 anos, até 2018, o que contribui para superar a expectativa de vida de 77 anos. O município de Brusque, por exemplo, está em 1° lugar do estado no tópico esperança de vida ao nascer. Já Balneário Camboriú, está com a 2ª posição com o maior IDH médio de Santa Catarina, índice que leva em consideração a educação, longevidade e renda.

Segundo o Gerente do Sebrae da Foz, Eng. Sérgio Fernandes Cardoso, os dados refletem o trabalho árduo de desenvolvimento dos pequenos empresários da região. “Com este material o Sebrae conhece e mapeia as características dos municípios para compactuar com o seu desenvolvimento econômico, através dos microempreendedores que querem se instalar na nossa região. A partir dos dados, a entidade complementa o importante papel de agente de transformação da sociedade”, destaca.

Confira os documentos: https://promo.sebrae-sc.com.br/lp-caderno-de-desenvolvimentos

Texto: Bianca Pereira

3ª Feira de Artesanato retrata a identidade cultural da Costa Verde & Mar em Balneário Piçarras

Posted by | Cultura, Economia | No Comments
Para valorizar a cultura regional da Costa Verde & Mar, o Sebrae/SC, em parceria com a Fundação Municipal de Cultura de Balneário Piçarras, realiza a 3ª edição da Feira Regional de Artesanato Costa Verde & Mar. A mostra acontecerá durante o evento Piçarraiá, entre os dias 5 e 7 de julho. A entrada do evento é 1kg de alimento não perecível. A feira ficará localizada dentro do Ginásio Aurélio Solano de Macedo.
Durante a feira serão expostos produtos que resgatam a identidade cultural dos municípios como almofadas, bonecos, tapetes, cerâmicas, artesanato em madeira, pinturas, peças em crochê, bordados, roupa de chita, entre outros. Os artesãos de Piçarras fazem parte do projeto “Entre Contrastes”, desenvolvido pelo Sebrae/SC. Além da exposição e venda dentro da feira, haverá a confecção de cerâmicas e tapeçaria com rendas de bilros durante o evento.
Segundo a Presidente da Fundação Municipal de Cultura de Balneário Piçarras, Silvana Rebello, a feira destaca a identidade local dos municípios participantes. “O artesanato resgata pequenos valores e transforma em algo próximo, que traz memória de um lugar ou uma crença. A fundação cultural vem com esse objetivo, de valorizar a identidade e a cultura popular com algo que vem de geração em geração e só vai se aperfeiçoando e buscando técnicas, como é o artesanato. Por isso os eventos da fundação priorizando sempre a comercialização e exposição dos produtos de artesanato”, explica.
Para o Gerente do Sebrae da Foz, Eng. Sérgio Fernandes Cardoso, a feira é uma continuação do projeto “Entre Contrastes”, que busca valorizar a cultura catarinense. “A feira é uma nova oportunidade dos microempreendedores do ramo do artesanato levarem seus produtos para comercialização. O Sebrae continua com a sua missão de apoiar os pequenos negócios para incentivar e valorizar a cultura regional, gerando emprego e renda para toda a região”, salienta.
A feira começará na sexta-feira, 5, a partir das 19h. Já no sábado, 6, abre a exposição a partir das 14h e segue até a meia noite. E no domingo, a feira acontece das 12h às 22h.
Texto: Bianca Pereira

Prefeito de Balneário Camboriú e de São João Batista são premiados por projetos empreendedores no estado

Posted by | Economia, Educação, Empresarial | No Comments

Para reconhecer a capacidade dos gestores públicos em criar projetos que estimulam pequenos negócios e a modernização da gestão nos municípios, o Sebrae/SC realizou nesta segunda-feira, 29, a 10ª edição do Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor. Na solenidade que aconteceu em Florianópolis, os prefeitos Fabrício de Oliveira, de Balneário Camboriú e Daniel Netto Cândido, de São João Batista, foram os premiados da Região da Foz. Ao todo foram inscritos 48 projetos de 34 cidades catarinenses.

Neste ano, a premiação estadual contou com oito categorias: Políticas Públicas para o Desenvolvimento dos Pequenos Negócios; Cooperação Intermunicipal para o Desenvolvimento Econômico; Compras Governamentais de Pequenos Negócios; Pequenos negócios no campo; Inovação e Sustentabilidade; Empreendedorismo nas escolas; Desburocratização e Implementação da Redesimples e Inclusão Produtiva e apoio ao Microempreendedor Individual (MEI).

O Prefeito Fabricio Oliveira, de Balneário Camboriú, foi o vencedor do prêmio na categoria “Desburocratização e Implementação da Redesimples” com o projeto “Desburocratização” de 2018 que criou a lei para tornar mais rápido e menos burocrático o processo de abertura de empresas. Desde que o projeto foi instalado no município, mais de 3 mil empresas já foram abertas. Antes o prazo para uma empresa ser aberta era de 3 meses, agora o tempo é de 5 dias a 20 dias. Além disso, Balneário Camboriú foi certificada com o projeto Jovens Empreendedores Primeiros Passos (JEPP).

O Prefeito de São João Batista, Daniel Netto Cândido também foi um dos premiados da noite. Com o projeto “A Capital Catarinense do Calçado é o Berço do Empreendedorismo” ele faturou o prêmio dentro da categoria “Empreendedorismo nas Escolas”. O projeto vencedor contempla as ações realizadas no município nos últimos anos dentro do Programa Cidade Empreendedora, como o Curso Jovens Empreendedores Primeiros Passos (JEPP), desenvolvido desde 2017 entre estudantes do 1º ao 9º do Ensino Fundamental e a ainda a adoção da metodologia Crescendo & Empreendendo, que facilitou o acesso da juventude ao mercado do trabalho. O município também recebeu o Selo Prefeito Empreendedor por atingir pontuação acima do mínimo pela comissão julgadora.

Os dois gestores públicos contemplados com a premiação concorrem agora na Etapa Nacional do Prêmio, a ser realizada no mês de junho. Segundo o Gerente do Sebrae da Foz, Eng. Sérgio Fernandes Cardoso, o prêmio é resultado de diversas ações realizadas nas cidades. “Nossa região venceu duas categorias das oito que estava concorrendo, valorizando o trabalho da equipe do Sebrae/SC com os prefeitos dentro dos municípios de Balneário Camboriú e São João Batista. Esse prêmio é resultado das ações feitas diariamente para incentivar os pequenos negócios locais”, destaca.

Texto: Bianca Pereira

 

Sebrae lança segunda etapa do projeto Cidade Empreendedora em Bombinhas

Posted by | Economia | No Comments

Com a proposta de dar continuidade nas ações de fortalecimento da gestão municipal, o Sebrae/SC, em parceria com a Prefeitura de Bombinhas, lançou na última sexta-feira, 26, o ciclo 2 do Programa Cidade Empreendedora no município. O projeto apresentado logo após a Semana Municipal do Turismo para autoridades e sociedade civil, teve sua primeira etapa iniciada no município em 2017, com 34 soluções. Nesta segunda etapa, haverá o acompanhamento das ações desenvolvidas para fortalecer a economia local.

O Secretário de Turismo de Desenvolvimento Econômico, Carlos Cândido, abriu a apresentação do projeto ressaltando o impacto no setor. “O programa auxiliou os empresários de Bombinhas na formalização de seus negócios com a implementação da sala do empreendedor, onde agora o pequeno empresário consegue resolver todos os passos para abrir sua empresa. Também trouxe para o município diversas ideias que nos orientaram a entender melhor como funciona nossa economia e dar foco ao principal eixo econômico da cidade, que é o turismo”, destacou.

A parceria do poder público municipal de Bombinhas com o Sebrae/SC resultou em diversas ações como, por exemplo, a criação da Sala do Empreendedor, que contou com o atendimento de aproximadamente 3 mil pessoas nos primeiros nove meses, a elaboração da Semana do Microempreendedor, com a lei municipal contribuindo para a formalização dos pequenos empresários e realização dos projetos de Educação Empreendedora com o Jovens Empreendedores Primeiros Passos (JEEP) e Crescendo e Empreendendo.

Para o Prefeito Paulo Henrique Dalago Muller, o programa traz inúmeras ações que impactam diretamente na economia. “Conseguimos sair da informalidade e dar espaço para que novos empresários queiram investir na nossa cidade, fomentando a nossa economia de uma forma diferente e trazendo resultados positivos desde a inserção das ações com os jovens e crianças dentro das escolas. Acredito que eles são os futuros empresários da nossa cidade e por isso é tão importante darmos continuidade nesses projetos”, explicou.

Também foram aplicadas durante a primeira etapa, a Gestão Orientada de Resultados, com a instalação de um software para integrar a comunicação interna e entender as ações planejadas dentro da prefeitura e apresentado um estudo com a atualização do município em números que mostrou a realidade socioeconômica do município. Além disso, foi feita a instalação do setor de Compras Governamentais e implementação do Smart City, uma ferramenta inovadora para trabalhar as licitações de compras.

A Deputada Estadual, Ana Paula da Silva, esteve presente no evento e ressaltou o trabalho realizado com o programa na cidade desde a época em que era Prefeita no município. “Eu estava à frente da prefeitura durante o primeiro pacto com o Sebrae e sei bem que esse projeto tem a missão de nos ajudar a estabelecer conexões e parcerias, fazendo com que o fluxo de desenvolvimento do município cresça. Esta nova etapa de trabalho com certeza vai capacitar ainda mais os cidadãos desta cidade para institucionalização dos seus negócios, orientando as pessoas a seguirem o caminho certo. Estamos desenhando um novo quadro na história da cidade que só tem a evoluir”, ressaltou.

O idealizador do programa e Gerente do Sebrae da Foz, Eng. Sérgio Fernandes Cardoso, encerrou a apresentação do projeto destacando todo o processo. “É uma cidade antes e depois da gestão municipal aplicada aqui. Tenho certeza que o trabalho contribuiu e muito para o fortalecimento econômico do município. Nós ouvimos todas as dúvidas e sugestões para melhorar as ações e agora no segundo ciclo será hora de planejar e colocar em prática para fazermos de Bombinhas uma cidade ainda melhor”, finalizou.

Texto: Bianca Pereira

Artigo: Privatização e Turismo

Posted by | Economia, Empresarial, Turismo | No Comments

A liberação dos recursos para ampliação e melhoria da infraestrutura do Aeroporto de Navegantes colocará em prática projetos que vêm sendo discutidos durante muito tempo e deve resolver problemas que são cruciais para alavancar o turismo e fomentar o desenvolvimento econômico da região do Vale do Itajaí. Há anos o local não comporta as demandas proporcionadas pelo crescimento das cidades vizinhas.

Apoiada pela Federação das Associações Empresarias de Santa Catarina (Facisc), através das Associações do Vale do Itajaí, demos andamento a uma moção de apoio e mobilização para a reforma do aeroporto, que deverá acarretar na ampliação do terminal de passageiros, aumentando a capacidade de fluxo de pessoas e cargas. Atualmente a área construída do aeroporto é de 5,2 mil m², e com a reforma passará a ser de 13,6 mil m². Um crescimento de quase 160% que tornará o aeroporto mais atrativo para que as empresas participem do processo de licitação e privatizem o espaço.

A rodada das concessões do chamado Bloco Sul foi anunciada pelo Ministério da Infraestrutura do estado e está previsto para acontecer em 2020. A privatização é vista com bons olhos pela entidade, já que o empresariado entende que as demandas para a iniciativa privada acontecem de maneira acelerada e sem muitas burocracias, que geralmente são encontradas em concessões públicas com maior facilidade. O principal problema é a demora no processo: após a concessão, ainda pode levar mais dois anos até que a empresa inicie suas atividades.

A região do Vale do Itajaí não pode mais ficar à mercê de projetos nos papeis, as ideias precisam ser colocadas em prática. A reforma de ampliação precisa ser feita o quanto antes e o processo após a concessão terá que ser agilizado. O turismo será o mais beneficiado com isso. A região tem uma variedade de opções turísticas, como o Beto Carrero, em Penha, o circuito do Chopp em Blumenau, Brusque, Pomerode, Indaial e Gaspar, a região das praias que engloba Itajaí, Balneário Camboriú, Itapema, Porto Belo e Bombinhas, além Camboriú com o fomento no Turismo Rural, que só tem a ganhar com o número expressivo de turistas que poderão desembarcar no terminal aeroportuário. Já passou da hora!

Maria Pissaia – Presidente da Acibalc – Associação Empresarial de Balneário Camboriú e Camboriú

Região do Vale do Itajaí tem maior crescimento econômico do estado de acordo com estudo da Facisc

Posted by | Economia | No Comments

O Vale do Itajaí teve o melhor resultado econômico do estado de acordo com o Índice de Performance Econômica das Regiões de Santa Catarina (Iper), lançado recentemente pela Federação das Associações Empresariais de SC (Facisc).  A região, que engloba prioritariamente cidades voltadas para o turismo, produção têxtil, construção civil e área naval, obteve um crescimento econômico de 11,86% em relação ao mesmo período analisado em 2017.

O estudo realizou uma estimativa trimestral da movimentação econômica de todas as regiões de Santa Catarina durante 2018, por meio de indicadores que possuem relação direta com a movimentação econômica das regiões do estado.  O Índice de Performance Econômico das Regiões do Estado (Iper-SC) foi construído ao longo dos últimos dezoito meses. A divulgação dos dados será trimestral e a próxima atualização deve sair em abril.

Para a presidente da Associação Empresarial de Balneário Camboriú e Camboriú (Acibalc), Maria Pissaia, o destaque para o Vale do Itajaí se deve a fatores bem característicos da região.  “O turismo aumenta muito o consumo e estimula principalmente o comércio local em várias cidades, assim como a construção civil ainda representa nossa maior fonte de geração de emprego, principalmente em Balneário Camboriú. Já o Porto de Itajaí está entre os maiores do Brasil em movimentação de carga e isso tudo contribui muito para colocar nossa região com tão boa performance econômica”, ressalta.

Ainda, segundo a presidente, os índices econômicos positivos são extremamente importantes para a continuidade do desenvolvimento da economia do Vale do Itajaí. “Obter esses números acaba servindo de estímulo para novos empreendimentos, estímulo para que os empresários reinvistam parte do capital no desenvolvimento dos seus negócios, entre outras ações. A gente passa a ter uma perspectiva muito mais otimista no cenário econômico, vindo de um período de tão grande recesso, problemas econômicos e políticos. Esse índice só tem a melhorar ainda mais a economia da nossa região”, finaliza.

O Iper apontou também que a região do Vale do Itajaí deve liderar o desempenho econômico na projeção anual, com um crescimento de 10,03%.Durante o estudo foi analisado também o índice geral para todo o estado de Santa Catarina, que cresceu 8,07% de janeiro a setembro de 2018.

Texto: Bianca Pereira

Encontro de benzedeiras resgata cultura da cura pela fé em Balneário Piçarras

Posted by | Cultura, Economia | No Comments

Estudiosos, rezadeiras, benzedeiros e comunidade de toda a região participaram nesta quarta-feira, 21, do 1° Encontro de Benzedeiras de Balneário Piçarras. A ação foi organizada pela Fundação Cultural, em parceria com a Secretária de Saúde do município e contou com o apoio do Sebrae/SC. O objetivo do evento foi resgatar e valorizar o conhecimento do uso de plantas medicinais em tratamentos alinhados à fé. Ao todo, dezenove benzedeiras trocaram experiências com os participantes.

A presença mais aguardada do encontro foi da benzedeira Luiza Moreira, conhecida como Mãe Luiza. A religiosa de Camboriú possui 102 anos de idade e há noventa cura as feridas de quem pede ajuda. Neta de um escravo, foi criada pelos avós dentro de uma senzala e aprendeu tudo que sabe sobre cura com eles. “Eu nasci numa sexta-feira santa, por isso meu avô acreditou que eu tinha um dom e podia fazer caridade para ajudar todas as pessoas que precisavam ser curadas. Desde criança eu abençoou quem vem falar comigo. Sou espírita, praticante de Umbanda e hoje uma entidade me falou que eu precisava vir até aqui para benzer o lugar e todos participantes. Quero continuar fazendo caridade e benzendo até o último dia de vida”, comentou Luiza.

Para a Presidente da Fundação Cultural, Silvana Maria Rebelo Pereira, o encontro resgata a cultura da cura popular pela fé, proporcionando que a população conheça mais sobre a prática religiosa e a medicina alternativa. “Reunimos as senhoras para resgatar essa tradição que era tão comum antigamente. Por isso, convidamos apenas benzedeiras que não cobram pelo serviço, mas que fazem esse trabalho por amor ao próximo. Nosso objetivo era além de aproximar a população da cura pela fé, possibilitar também esse contato junto as plantas medicinais para auxiliar na qualidade de vida em parceria com a saúde. São senhoras de mais de sessenta anos com muito tempo de benzimento e ajuda. Não imaginávamos que ainda tínhamos tantas benzedeiras e tantas pessoas interessadas pelo assunto, por isso pretendemos continuar incentivando a cultura dessa tradição para que ela não se perca”, destacou Silvana.

Além da troca de experiências com as benzedeiras, os participantes tiveram uma conversa sobre Cultura e Saúde, apresentação cultural e uma exposição de trabalhos artesanais produzidos pelos moradores da cidade. O evento faz parte do calendário de cultura popular do município e possui o acompanhamento do Sebrae/SC na produção das atividades artesanais. “É uma satisfação auxiliar os artesãos de Balneário Piçarras e fomentar a cultura popular do município. Através desse projeto executamos ações que gerenciam os custos dos artesãos, fazendo com que se tornem empreendedores e consigam vender seus produtos com um valor comercial, gerando renda e riquezas para que essas pessoas tenham uma qualidade de vida maior. A maioria dos artesãos são pessoas autônomas que trabalham na informalidade. O nosso papel é formalizar essas pessoas para que se tornem microempreendedores individuais e assim colaborem com a economia da cidade”, finaliza o Coordenador do Sebrae/SC da Foz do Itajaí, Alcides Sgrott Filho.

Texto: Bianca Pereira

Projeto “Prefeitura Parceira” em Balneário Camboriú capacita empreendedores na próxima quarta-feira

Posted by | Economia, Empresarial | No Comments

Com o intuito de realizar um chamamento público para empresários e microempreendedores, afim de instruí-los sobre a importância da participação nos processos licitatórios de um órgão público, o Sebrae/SC, em parceria com a Prefeitura de Balneário Camboriú, realizará na próxima quarta-feira, 21, o evento “Prefeitura Parceira”. A iniciativa faz parte do projeto Cidade Empreendedora e é aberto aos empreendedores locais que pretendem se tornar fornecedores potenciais e compradores da administração pública. O evento acontece a partir das 19h, na sede da Acibalc.

Durante o evento serão debatidas técnicas e benefícios que os pequenos empresários têm em participar das licitações e quais as documentações necessárias para que se tornem fornecedores oficiais. Além disso, o Consultor do Sebrae, Sérgio Vicari, ministrará uma palestra sobre os eixos de compras governamentais e como a iniciativa pode privilegiar essas empresas. “Levamos o conhecimento até os micro e pequenos empresários para que tenham a oportunidade de participar de uma disputa licitatório com a mesma capacidade que grandes empresas. Na oficina mostramos a importância de vender seus serviços para o município e os resultados positivos que a parceria gera para toda a cadeia produtiva da cidade. Por meio de gráficos é possível ainda compreender suas necessidades, os tratamentos favorecidos e diferenciados que podem receber, explicando também, a legislação que os protege e como funciona cada etapa das compras governamentais”, destaca Sérgio.

Na ocasião, a prefeitura fará também uma apresentação mostrando aos participantes os resultados e transformações dos projetos feitos por meio do programa Cidade Empreendedora, que destacam a economia do município através do empreendedorismo, bem como o planejamento das compras do próximo ano. “É através do comitê gestor de desenvolvimento econômico que nós realizamos uma chamada aos empreendedores de Balneário Camboriú para que façam parte das licitações e entendam a necessidade de fazer negócio com o município. Durante o evento faremos uma simulação do pregão pra verem como é simples participar e mostraremos que o município está adequado à legislação federal com grandes possibilidades para os empreendedores da cidade.  Queremos também estreitar o relacionamento com o empresário destacando nosso planejamento futuro, e assim fomentar a economia local, contribuindo para que esse recurso, que é nosso enquanto contribuinte, possa ser gerado dentro da cidade. Além disso, pretendemos criar uma relação mais próxima e de confiança com o empresariado local”, afirma o Diretor-geral de Turismo e Desenvolvimento Econômico de Balneário Camboriú, Nelson Oliveira.

A sede da Acibalc fica localizada na rua 1542, sala 26, no centro.

Texto: Bianca Pereira

Balneário Camboriú lança edição 2019 do Projeto “Visite BC & Região”

Posted by | Economia, Geral, Turismo | No Comments

Impactar a cadeia produtiva do turismo e reposicionar a marca Balneário Camboriú com tecnologia e sustentabilidade estão entre os principais objetivos do projeto “Visite Balneário Camboriú e Região 2019”, que acaba de ser lançado nesta segunda-feira, 12, para o trade turístico e autoridades da região na nova sede do Balneário Camboriú Convention & Visitors Bureau.

Entre os grandes destaques do projeto para 2019, está a área digital, com ações para promover e divulgar o destino de forma sustentável, principalmente na região sudeste, nordeste e centro-oeste do país e nos países da América Latina. “Queremos que o nosso destino se torne referência sustentável com nossas praias recebendo o certificado de bandeira azul. Para isso, queremos reduzir o uso de plásticos e a quantidade de lixo para sensibilizar o público com ações de marketing nas nossas mídias digitais, trabalhando também em parceria com formadores de conteúdo digital. Pretendemos chegar nas cidades oferecendo um destino que se preocupa com o futuro e com a qualidade de vida”, destaca a Vice-Presidente do BC Convention, Margot Rosenbrock Libório.

A apresentação também focou na importância de antecipar o planejamento do projeto para um resultado ainda mais efetivo. “Conseguimos antecipar a apresentação para este ano, para que em fevereiro do ano que vem já possamos ter um número de adesões elevado e para que tudo que foi projetado se torne economicamente viável. A essência do projeto é uma parceria público-privada e que vem dando muito certo. Os órgãos públicos idealizam e ganham gás da iniciativa privada, que movimenta e impulsiona essa parceria. São mais de cinquenta empresários que dão força para que possamos dizer que temos um projeto vitorioso graças a união do nosso trade turístico”, comenta.

Para 2019, o “Visite Balneário Camboriú & Região” prevê ainda a participação em feiras fora do país, eventos de capacitação, relacionamento e experiência, rodadas de negócios com os agentes e operadores de viagens, realizações de press trips com veículos de comunicação nacionais e internacionais, veiculação digital, relacionamento com embaixadas, entre outras iniciativas. “Durante a última edição viajamos muito para poder propagar o nosso destino e tivemos um resultado bastante positivo. Nós organizamos esses eventos para destacar a importância não só da nossa cidade, mas da nossa região da Costa Verde & Mar como um todo. Para a próxima edição vamos trabalhar com antecedência, planejar e nos preparar para promover nosso destino ainda mais”, salienta a Presidente do BC Convention, Ana Maria dos Santos.

Para o Prefeito de Balneário Camboriú, Fabrício Oliveira, a participação do empresariado no projeto faz toda a diferença. “É evidente que a prefeitura se sente honrada em participar do projeto, que se torna ainda mais forte com o envolvimento da sociedade civil organizada e do poder público. Entendemos que a melhor forma de fazer turismo é divulgar a cidade, interagindo com o Brasil e com outros países. E é em conjunto com os empresários que conseguiremos construir um grande modelo de turismo sustentável e responsável”, diz.

O Secretário de Turismo de Balneário Camboriú, Miro Teixeira, também destacou a importância do projeto. “Balneário Camboriú é um destino fantástico e fica numa região maravilhosa. Esse projeto consegue mostrar um pouquinho do que é esse destino. Considero um case de sucesso, que ficou ainda mais forte depois de agregar a Costa Verde & Mar, Amfri e Santur. Nosso diferencial é este, não divulgamos só a cidade, mas toda a nossa região”, finaliza.

Zene Drodowski, Presidente do Colegiado de Secretários de Turismo da AMFRI, aproveitou o momento para destacar os resultados positivos da participação da Amfri nas outras edições do projeto. “É um projeto inovador, mas que traz grandes desafios. Começamos em 2017 e, desde então, a gente só cresceu e viu o projeto crescer. Trabalhamos através de regiões que sozinhas não conseguiriam tanto impacto, mesmo sendo regiões turísticas. É pelo tamanho do investimento que temos que nos unir. Essa é a nossa posição enquanto região turística, a união dos municípios. Espero que os empresários façam a adesão dentro das suas possibilidades e nós, como parte pública, faremos a nossa”, conclui.

O projeto é desenvolvido pelo Balneário Camboriú Convention & Visitors Bureau, em parceria com a Secretaria de Turismo e Desenvolvimento Econômico da cidade. Para participar da iniciativa em 2019, os empresários podem adquirir cotas dentro das categorias diamante, ouro, prata, bronze e a cota gift. Mais informações podem ser obtidas através do telefone do BC Convention: (47) 98856-3884 ou pelo e-mail: info2@visitebc.com.br.

Texto: Bianca Pereira